FutebolBrasileiro - Série A

John Textor, do Botafogo, dá detalhes de áudio comprovando manipulação no futebol brasileiro

Dono da SAF do Botafogo, John Textor trouxe novamente à tona a informação de quem teve acesso a um áudio que revelaria um caso de corrupção de um árbitro do futebol brasileiro. Em um vídeo divulgado em seu próprio site, na noite de sábado, o norte-americano afirmou que a gravação foi validada.

Dos poucos detalhes dados, Textor apontou que o jogo em questão seria de uma divisão menor e que o árbitro tem sotaque carioca. Além disso, garantiu que o áudio não diz respeito a nenhum jogo que envolve o Botafogo ou a temporada da Série A do Campeonato Brasileiro.

“Eu recebi uma gravação de um funcionário ligado à CBF. Foi validado e autenticado. Foi falado para mim, por autoridades de confiança, não foram jornalistas, nem agentes. Também estão na mão da polícia e estiveram nas mãos de governantes por um ano. Foi em uma divisão menor, é um jogo conhecido por nós. Tem um técnico, um time, pessoas que autenticamos. Tem a gravação de um árbitro dizendo que estava triste de ter perdido dinheiro porque o jogo que ele estava tentando manipular não tinha ido do jeito que ele estava tentando influenciar. Ele foi específico: ele deu 1 minuto no relógio e deu um pênalti que não deveria e o atacante bateu o pênalti na trave. Ele reclamou, dizendo que tudo que fez tudo que foi possível. É de um sotaque carioca, vocês vão saber melhor que eu, isso nos permite identificar de qual árbitro é”.

O vídeo divulgado em seu site pessoal tem a duração de 14 minutos e, além da denúncia, o empresário faz um longo discurso também sobre a necessidade de melhorar o futebol. Textor também revelou que havia uma investigação acontecendo na CBF antes dele aparecer com as atuais evidências.

Segundo ele, um jogo do Palmeiras estava envolvido em análise, porém não fez nenhum tipo de acusação sobre alguma manipulação envolvendo o atual campeão brasileiro.

“As pessoas costumam falar de corrupção e colocam os jogador no meio o tempo todo porque é mais fácil. Primeiro, alguém foi pago para levar um cartão amarelo. Não é nem ilegal. As pessoas descobrem, pedem desculpas. Na época daquela gravação, que estava nas mãos do governo, tinha um relatório de manipulação de resultados, isso também tinha sido produzido, acredito que tinha sido envido e já fornecemos evidência disso para o tribunal. O relatório da manipulação de resultados é relacionado a um jogo que terminou em 2022, era um jogo do Palmeiras. Parece que o Palmeiras não estava envolvido. Era Palmeiras x Fortaleza. Essa evidência foi enviada para a CBF, não sei quem estava envolvido nisso, eu não estava envolvido”.

Para completar, Textor fez uma reflexão envolvendo casas de apostas, que, segundo ele, perdem dinheiro com casos de manipulação de resultados. Recentemente, no Brasil, houve a Operação Penalidade Máxima, que investigou diversas fraudes de jogos na Série B do Brasileirão e também em estaduais.

“Eu tenho provas de manipulação de resultado e agora nós analisamos anos anteriores do Botafogo estar envolvido. Os piadistas pelo mundo falam de choro. Eu pareço estar chorando? Eu não estou chorando. Estou fazendo o melhor que posso para ajudar. Essa empresa estava aqui antes da gente, eles analisavam jogos antes da gente, casas de apostas perdem dinheiro com manipulação de resultados, por que os contratam? Eles não podem consertar isso, então não querem perder dinheiro. Eu poderia suspeitar que contratam empresas assim porque querem mandar nas odds, o valor dos palpites. Um time com manipulação constante, com muita atividade, muita coisa estranha, atividade de apostas, esses caras sabem. É por isso que estamos falando, é isso que nossas provas mostram”.

Na quarta-feira, após a vitória sobre o RB Bragantino, no Nilton Santos, John Textor afirmou que possui “árbitros gravados reclamando de não terem as propinas pagas”. Após a acusação, o STJD deu um prazo de três dias para o empresário mostrar as evidências. Caso não entregue o pedido, ele pode ser punido por até 360 dias e levar multa de R$ 100 mil.

Veja o vídeo na íntegra

E para saber tudo sobre resultados de futebol ao vivo, visite o site do 365Scores! Lá você encontra todos os jogos dos campeonatos, tabela de classificação e mais!

Desenvolvido por365Scores.com

Redação 365Scores

A redação do 365Scores é atualmente integada por seis redatores. Entre nós, produzimos conteúdo sobre todos os esportes diariamente - desde as hardnews até os mais elaborados com fatos curiosos.

33126 Articles

Botão Voltar ao topo