Outros EsportesSwell - Coluna de Surf

Lenda do surfe, Kelly Slater não passa do corte na WSL e indica aposentadoria

Kelly Slater, o maior surfista de todos os tempos, despediu-se do Circuito Mundial da WSL. Com a eliminação desta terça-feira (16) para Griffin Colapinto, no round 3 da etapa de Margaret River, na Austrália, o americano não tem mais chances passar pelo corte do meio desta temporada. Após a queda na competição, ele indicou sua aposentadoria e o fim de sua era na elite.

Depois da bateria, a sensação era de que já existia o vencedor do evento. O 11 vezes campeão mundial foi carregado da água até o palanque como se tivesse levado o troféu mais uma vez. Não era: se tratava de uma reverência para a lenda e tudo o que representa para o esporte.

Em entrevista para a organização, Slater, que será pai novamente em breve, se emocionou ao falar sobre seu futuro e declarou: “Tudo tem um fim. Se não nos adaptarmos, não sobrevivemos. Não estava motivado o suficiente para dar 100%, como todos dão agora”.

“Tanta emoção por tanto tempo, tanta dedicação. Nem tudo são rosas, mas foram os melhores momentos da minha vida. Sei que minha família está em casa assistindo. Amo vocês. Não consegui realizar um milagre, mas consegui alguns ao longo desses anos”, também disse.

No round de abertura, diante de Ramzi Boukhiam e Jake Marshall, ele terminou na terceira posição. Já na repescagem, ficou em segundo, avançando com Cole Houshmand – bateria que eliminou o brasileiro Yago Dora.

O adeus veio em uma bateria na qual não conseguiu apresentar muito perigo ao seu adversário. Griffin Colapinto, seu compatriota e atual líder do ranking da WSL, conquistou a vitória com um 11.87 sobre o somatório de apenas 6.17 de Slater.

Mesmo fora do CT, vale apontar que Slater ainda poderá ser visto com a lycra de competição. Segundo o próprio surfista, por exemplo, existe a expectativa por um convite para participar da etapa de Fiji, no fim de agosto.

Carreira de Kelly Slater

Kelly Slater, além de inúmeros recordes e marcas, é o maior campeão mundial de surfe, tendo vencido 11 vezes a disputa: 1992, 1994, 1995, 1996, 1997, 1998, 2005, 2006, 2008, 2010 e 2011.

Desenvolvido por 365Scores.com

Leonardo Rodrigues

Formado em Jornalismo e pós-graduando em Mídias Digitais e Gestão de Conteúdo, sempre fui apaixonado por esportes e levo isso para o meu trabalho.
Botão Voltar ao topo