Outros EsportesTênis

Alcaraz, Sinner, Rune e mais: saiba os favoritos a vencer o torneio de Wimbledon 2024

Com início marcado para o dia 1º de julho, o torneio de Wimbledon já tem agitado os fãs de tênis, que querem saber quem levará o título desta edição. Em 2024, nomes fortes do esporte, como Alcaraz e Sinner, estarão em quadra. No entanto, também haverá baixas importantes.

O espanhol Rafael Nadal confirmou sua desistência de Wimbledon 2024 para focar nas Olimpíadas de Paris, que começam dia 26 de julho. As disputas de tênis ocorrerão a partir do dia 27. Ele fará dupla com Alcaraz representando a Espanha.

Já Novak Djokovic, que se lesionou em Roland Garros, segue como incógnita no Grand Slam de Londres. O sérvio precisou passar por cirurgia no joelho direito após uma queda durante as oitavas de final do Grand Slam de Paris, no último mês, que agravou as dores já sentidas anteriormente pelo tenista. Ele anunciou a desistência depois dos exames de imagem apontarem uma lesão no menisco.

Visando a participação nos Jogos Olímpicos, que começam no final de julho e são a grande prioridade do sérvio na temporada, ele optou por agir rápido e fazer uma artroscopia ainda em Paris. O tempo de recuperação estimado inicialmente foi de três a quatro semanas, tornando sua participação em Wimbledon uma incógnita, mas com grandes chances de não acontecer.

Com a ausência de Nadal e Djokovic, número 3 do mundo, como dúvida, outros nomes ganham ainda mais favoritismo. O 365Scores reuniu os principais tenistas que podem faturar o tão sonhado Grand Slam disputado nas gramas.

Favoritos de Wimbledon Masculino

Carlos Alcaraz

Atual número 2 do mundo, Carlos Alcaraz aparece como favorito no torneio por ter vencido a última edição. O espanhol derrotou Djokovic por 3 sets a 2 e levantou o troféu pela primeira vez na carreira. Além disso, chega embalado de outra conquista importante em Grand Slam, mas neste ano: Roland Garros. Antes de Wimbledon, Alcaraz disputa o ATP 500 de Queen’s.

Jannik Sinner

O número 1 do mundo é outro forte candidato ao título inédito em sua carreira. Na edição de 2023, ele foi derrotado por Novak Djokovic nas semifinais. No entanto, neste ano, o italiano tem uma conquista importante que o deixou como favorito a Wimbledon: o Australian Open. Antes de Wimbledon, Sinner disputa o ATP 500 de Halle.

Daniil Medvedev

Se em 2023 Medvedev caiu nas semifinais para Alcaraz, neste ano o tenista russo deseja garantir vaga na final e levantar, pela primeira vez em sua carreira, o título do Grand Slam. Ele está na 5ª colocação do ranking ATP. Antes de Wimbledon, Medvedev disputa o ATP 500 de Halle.

Alexander Zverev

Após ser derrotado por Alcaraz em Roland Garros, Zverev segue na busca por um Grand Slam na carreira. Campeão olímpico, o alemão está focado em vender Wimbledon. Antes do torneio de Londres, ele disputa o ATP 500 de Halle para se preparar.

Favoritos de Wimbledon Feminino

Iga Swiatek

Fenômeno feminino no tênis, Swiatek chega embalada pelo 4º título em Roland Garros, seu quinto em Grand Slams, e é a favorita a levantar o troféu, primeiro da sua carreira. A polonesa, no entanto, não disputará o torneio de Berlim como preparatório para Wimbledon. A justificativa foi devido ao cansaço físico e mental após nove semanas inteiras dedicadas ao torneio de Paris.

Marketa Vondrousova

Campeã de 2023, Vondrousova aparece como favorita ao título após vencer a edição de 2023. Ela derrotou Ons Jabeur na final por dois sets a zero. A tcheca, inclusive, tornou-se a primeira tenista não cabeça de chave a levantar o troféu em Wimbledon. Atualmente, ocupa a 6ª colocação no WTA.

Coco Gauff

Número 2 do mundo, Gauff aparece como uma das favoritas ao título de Wimbledon 2024. A norte-americana se despediu do torneio em 2023 na estreia da chave simples e está focada em conquistar o Grand Slam nesta edição. Ela participará do WTA 500 de Berlim para se preparar.

Aryna Sabalenka

Número 3 do mundo, Sabalenka anunciou sua desistência de Paris 2024 para focar em torneios obrigatórios, como é o caso de Wimbledon. Com isso, ela é uma forte candidata ao título. Em 2022, ela foi banida do torneio devido à guerra entre Rússia e Ucrânia. Em 2023, a russa chegou à semifinal, mas acabou sendo derrotada por Jabeur.

Para ficar de olho

Bia Haddad

Bia Haddad representará o Brasil em Wimbledon. A brasileira parou nas oitavas de final da última edição após sentir dores na lombar e abandonar a partida contra Rybakina. No entanto, volta com atenção e dedicação para 2024.

Ons Jabeur

Jabeur volta a Londres com o foco em levantar o troféu de Wimbledon em 2024. Nas últimas duas edições, ela foi derrotada nas finais e não escondeu sua frustração com o resultado negativo. Com isso, retorna as quadras para se preparar para o Grand Slam na grama no torneio de Berlim (WTA de 500).

Para seguir os resultados de TÊNIS ao vivo, acompanhe o 365Scores. Lá você encontra todas as estatísticas e informações!

Nathalia Gomes

Gaúcha, mas desde 2006 no Rio de Janeiro, sou formada em jornalismo e trabalho com esportes desde 2016! Escrevo sobre tênis e futebol nacional e europeu, e também acompanho de perto a vida e carreira do Gabriel Medina, Renato Gaúcho e Cristiane! Estou no comando da equipe do 365Scores Notícias há quatro anos e amo o que faço Ah! Também sou a mamãe do Joca :)

104 Articles

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo