Futebol InternacionalCampeonato Inglês

Cristiano Ronaldo revela que mais de uma pessoa queria tirá-lo do Manchester United: “Me senti traído”

Cada vez mais distante do Manchester United, Cristiano Ronaldo concedeu uma entrevista exclusiva para o jornalista Piers Morgan. Na conversa, o português revelou que não só Erik ten Hag, treinador do clube, queria que ele saísse, como também outras figuras.

“O Manchester United tentou me expulsar. Não só o técnico, mas também os outros caras que estão no clube. Me senti traído. Sinto que algumas pessoas não me queriam no Manchester United, não apenas este ano, mas também na temporada passada”, disse.

Eu não tenho respeito pelo Erik ten Hag porque ele não mostra respeito por mim. Se você não me respeita, eu nunca terei respeito por você”, citou o camisa 7. Com contrato junto ao United até o fim da temporada, Cristiano poderá assinar um pré-contrato com qualquer outra equipe a partir de janeiro. Em virtude da Copa do Mundo, ele estará apenas com a seleção de Portugal até o fim do ano.

Cristiano também teceu críticas a Wayne Rooney, seu antigo companheiro de United. “Não sei porque ele me critica tanto… provavelmente porque a carreira dele acabou e eu ainda estou jogando em alto nível. Não vou dizer que estou em uma melhor foram que ele… que é a verdade”, comentou.

A estrutura do United também foi uma das pautas: “Desde que Ferguson saiu, eu não vi nenhum progresso no clube, foi zero. Por exemplo: quando demitiram Ole (Gunnar Solskjaer), eles trouxeram o diretor esportivo Ralf Rangnick, que ninguém entendeu. Ele não é nem treinador. Surpreendeu não só mim, como todos”, iniciou.

“Nada mudou. A academia, alguns pontos de tecnologia, a cozinha, os chefes – que eu aprecio muito. Eles pararam no tempo. Me surpreendeu muito, achei que veria coisas diferentes. Mas, infelizmente, vimos muitas coisas que eu via na época dos meus 20 anos […] Acredito que os fãs deveriam saber a verdade, eu quero o melhor pro clube. Foi por isso que vim para o MUFC”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo