Bastidores da Bola

Ministério da Justiça da Itália envia pedido de extradição de Robinho

O Ministério da Justiça da Itália encaminhou o pedido de extradição de Robinho ao Brasil. A informação foi divulgada inicialmente pelo “GE”. O ex-atacante foi condenado no país a nove anos de prisão por violência sexual. O pedido foi feito em fevereiro, mas agora foi enviado oficialmente às autoridades brasileiras.

O ex-atleta foi condenado por violência sexual contra uma mulher de 23 anos, em 2013, junto com o amigo Ricardo Falco. Em janeiro deste ano, o Supremo Tribunal da Itália confirmou a decisão do Tribunal de Justiça de Milão.

Ambos foram condenados no artigo “609 bis” do código penal italiano, que cita a participação de duas ou mais pessoas reunidas para o ato de violência sexual – forçando alguém a manter relações sexuais por sua condição de inferioridade “física ou psíquica”.

A mulher que pediu para não ter seu nome revelado no processo, afirma que foi embriagada e abusada sexualmente por seis homens enquanto estava inconsciente. Do outro lado, a defesa dos brasileiros diz que a relação foi consensual.

Além dos noves anos de reclusão confirmados, Robinho também terá de pagar uma indenização de 60 mil euros (cerca de R$ 372 mil na cotação atual).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo