Campeonato PortuguêsFutebol Internacional

Jornal dá detalhes de conversa entre Jorge Jesus e Rui Costa, presidente do Benfica, após derrota para o Porto

A dura derrota por 3 a 0 para o arquirrival Porto na última quinta-feira (23) abalou muito a torcida do Benfica, que tem cada vez menos paciência com o treinador Jorge Jesus – que foi mantido no cargo, apesar da pressão sofrida. O jornal português “A Bola” revelou, neste domingo (26), detalhes sobre a conversa que Jesus e Rui Costa, presidente do Benfica, tiveram após a eliminação da Taça de Portugal.

De acordo com o jornal, Rui Costa não procurou Jesus nas horas seguintes à derrota pesada que o Benfica sofreu contra o Porto; os dois foram conversar apenas no dia seguinte, após “digerirem” o resultado. O diálogo envolveu o futuro da equipe e do técnico – que é cobiçado pelo Flamengo e supostamente já teria aceitado uma proposta do Rubro-Negro.

Ao ser questionado por Rui Costa se sentia “ter condições de continuar treinando o Benfica”, Jesus foi contundente e disse que sim. Além disso, garantiu que cumprirá seu contrato até o fim e disse acreditar que o Benfica será campeão português sob seu comando nesta temporada.

Apesar do diálogo e das garantias de que “o Flamengo é carta fora do baralho” feitas por Jesus, a cúpula do Benfica segue tratando o interesse do Mais Querido como uma ameaça clara à permanência de JJ em solo português. Marcos Braz, VP de futebol do Fla, permanecerá em Lisboa até o fim do ano e tentará retornar ao Brasil com um novo técnico para o clube rubro-negro.

1 comentário

  1. Por mim ele era SUSPENSO DE FUNCOES juntamente com toda equipe técnica e ficavam até ao fim da época só a receber salários. Sentados na bancada a ver treinar e jogar. Quanto ao dirigente do Flamengo, clube com muitos admiradores em Portugal bem pode esperar se tudo e de certeza que aqui perdeu milhares de admiradores do Fla.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo